Engenharia Elétrica

Duração do Curso: 10 semestres
Período: Noturno
Carga Horária: 3600 h/a
Número de vagas: 60
Autorização: Ato CAS nº 13 de 24 de agosto de 2016 O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG, atendendo as legislações e normas pertinentes das entidades competentes como o Ministério da Educação (MEC), o Conselho Nacional de Educação (CNE), Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (CONAES); o Conselho Federal e Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CONFEA/CREA) está alinhado ao PDI (Plano de Desenvolvimento Institucional) e ao PPI (Projeto Pedagógico Institucional). Desta forma, os condicionantes sociais, econômicos, políticos, culturais e geográficos que caracterizam o contexto da região de Guaxupé, assim como a missão e objetivos de longo prazo da instituição foram elementos norteadores na concepção do curso e são analisados no seu planejamento, principalmente nos elementos de flexibilização da matriz curricular. O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG deve acompanhar o crescimento econômico da região (com a implantação de novas plantas industriais) e auxiliar no seu desenvolvimento. Exercício Profissional A Lei Federal no 005194, de 24/12/66, regulamenta o exercício da profissão. O Decreto Federal no 000620, de 10/06/69, regulamenta a mencionada lei.

· Objetivos do Curso
· Estrutura do Curso
· Mercado de Trabalho
· Perfil do Profissional

· Course Objectives

O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG tem como objetivo formar profissionais com competências e habilidades tecnológica e técnica que os possibilitem atuarem nas mais diversas áreas da Engenharia Elétrica. Dentro desse enfoque, a estrutura do curso proporciona ao aluno fundamentos em física e matemática, buscando desenvolver uma forte capacidade de raciocínio lógico e de abstração, bem como todos os fundamentos em Engenharia Elétrica nas seguintes categorias: automação e controle, eletrônica, sistemas elétricos de potência e telecomunicações. O curso prepara o egresso para atuar na supervisão e coordenação técnica de estudos e projetos em todas as categorias acima especificadas. O Curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG tomará ainda como referência o perfil delineado para o graduando, para o processo de avaliação das instituições de ensino superior (Portaria nº 016 de 04 de janeiro de 2001 ? INEP/MEC):
a) Sólida formação básica e profissional geral, incluindo aspectos humanísticos, sociais, éticos e ambientais;
b) Capacidade para resolver problemas concretos, modelando situações reais, promovendo abstrações e adequando-se a novas situações;
c) Capacidade de análise de problemas e síntese de soluções integrando conhecimentos multidisciplinares;
d) Capacidade de elaboração de projetos e proposição de soluções, técnica e economicamente competitivas;
e) Capacidade de absorver novas tecnologias, promover inovações tecnológicas e visualizar com criatividade aplicações para a Engenharia Elétrica;
f) Capacidade de comunicação e liderança para trabalhar em equipe;
g) Capacidade de transmitir e registrar, de forma ética, seu conhecimento e produção;
h) Consciência da necessidade de contínua atualização profissional e de uma constante atitude empreendedora;
i) Consciência de sua responsabilidade na solução dos problemas da sociedade.

· Estrutura do Curso

O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG possui carga horária total de 3600 horas de atividades supervisionadas, que poderão ser integralizadas em cinco anos, distribuídas em três núcleos de disciplinas: básicas, profissionalizantes e específicas. Complementando os conteúdos teóricos desenvolvidos em salas de aula, são realizadas atividades nos laboratórios de eletricidade, eletrônica analógica e digital, sistemas computacionais e de comunicações, controle e automação, máquinas e instalações elétricas, física e química. Outras atividades, exigidas para formação mais adequada à complexidade da vida profissional do Engenheiro Elétrico, são desenvolvidas extraclasse, como estágio supervisionado (200 horas) e atividades complementares (200 horas). Para um amplo espectro de atuação o currículo do curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG oferece disciplinas que cobrem as diversas facetas da Engenharia Elétrica: Eletrônica, Eletrotécnica, Controle e Automação, Computação e Telecomunicações. O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG dispõe de ambientes como: salas de aula; biblioteca; laboratórios de informática; laboratório de Química; laboratório de Física; laboratório de Desenho Técnico; laboratório Eletrônica, laboratório de Eletricidade Básica e Instalações Elétricas, laboratório de Circuitos Lógicos, laboratório de Automação e Controle, laboratório de Sistemas Micro Controlados, laboratório de Máquinas Elétricas e laboratórios de Sistemas de Comunicações. Estes ambientes contemplam satisfatoriamente as necessidades das disciplinas básicas do curso, satisfazendo as diretrizes curriculares do MEC para os cursos de Engenharia. O planejamento das instalações físicas, contidas no PDI, é realizado para atender adequadamente as necessidades das práticas de ensino.

· Mercado de Trabalho

O Engenheiro Eletricista terá como campo de trabalho, indústrias, empresas, instituições científicas e acadêmicas que atuem com equipamentos eletrônicos, sistemas de medição e controle, sistemas digitais, automação e controle de máquinas e processos, hardware de computadores, sistemas eletrônicos em geral, sistemas de geração e transmissão de energia e sistemas de telecomunicações. Trata-se de um profissional valorizado e altamente demandado pelo mercado, com amplas oportunidades de desenvolvimento profissional nas áreas técnica, comercial e acadêmica.

· Perfil do Profissional

O curso de Engenharia Elétrica do UNIFEG proporcionará um conjunto de habilidades e competências para formação do perfil do egresso. Esse conjunto é trabalhado nos diferentes componentes curriculares que formam a matriz curricular do curso, conforme mostra a seção Estrutura Curricular.
De acordo com essa estrutura, o egresso poderá:
1) Aplicar conhecimentos matemáticos, estatísticos, científicos, tecnológicos e instrumentais;
2) Projetar e conduzir experimentos e interpretar resultados;
3) Conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;
4) Projetar e analisar as condições requeridas para o funcionamento das instalações de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, das máquinas e aparelhos de uso industrial e doméstico;
5) Projetar instalações, equipamentos e montagens de sistemas de telecomunicações, centrais telefônicas, equipamentos eletrônicos de áudio, rádio, televisão, radar, comunicação por satélites artificiais e aparelhos industriais;
6) Projetar instalações, equipamentos e montagens de sistemas de redes de computadores e equipamentos de multimídia;
7) Atuar na área de simulações e programações através da análise e síntese de software e hardware de equipamentos industriais, pessoais e de serviços dedicados;
8) Preparar projetos e especificações dos métodos de construção e de materiais que devem ser empregados na fabricação;
9) Supervisionar os aspectos técnicos dos procedimentos de fabricação, acompanhar a instalação, conservação e manutenção de equipamentos eletroeletrônicos;
10) Inspecionar os trabalhos executados para comprovar se obedecem às especificações e normas de segurança, fabricação e de projeto;
11) Calcular custo de mão-de-obra e de materiais como também custos de fabricação, instalação, funcionamento, manutenção e reparos;
12) Atuar como professor universitário;
13) Atuar na área acadêmica, consultoria, empresarial, industrial e gerencial;
14) Atuar em áreas multidisciplinares que envolvam conhecimentos de eletricidade, eletrônica, computação, controle e automação.

Dúvidas? Clique Aqui!